Busca no Site

Interativos

Receba nossas novidades



Receber em HTML?

Enquete

Pessoas divorciadas devem ter acesso à Eucaristia?
 

Compartilhe este site

Faça um pedido de oração





  
Informe o código de segurança para confirmar:
 

Maria, virgindade contestada PDF Imprimir E-mail
Escrito por Elbson   

Na linguagem bíblica, "irmão" é freqüentemente usado em lugar de primo, sobrinho, tio, parente. Por ex., em Gen 13,8 Abraão diz a Ló: "Somos irmãos," - enquanto de Gen 11,27-31 consta claramente que Ló era filho de Aran - irmão de Abraão, portanto seu sobrinho.

Também Labão, em Gen 29,15 fala a jacó: "Por seres meu irmão, servir-me-ás de graça?" - Mas em Gen 27,43 e Gen 29,10-11 - Labão é declarado irmão de Rebeca, mãe de Jacó, e tio dele.

b) Os evangelistas Mateus e Marcos, (em Mt 13,55 e Mc 6,3) enumeram como "irmãos de Jesus": Tiago, José, Judas Simão: Porém, na cena da crucificação de Jesus, João Evangelista coloca debaixo da cruz: "Sua Mãe, a irmã de sua Mãe, Maria, mulher de Cléofas, e Maria Madalena". Enquanto Marcos acrescenta, que esta outra Maria (irmã da Mãe de Jesus) era mãe de Tiago, o Menor, e de José. Estes últimoseram portanto sobrinhos de Maria Santíssima, e primos de Jesus (Jo 19,25 e Mc 15,40). Ora, Judas (Tadeu) Apóstolo, declara-se, no início de sua carta apostólica (Jd 1,1) "Judas, servo de Jesus Cristo, e irmão de Tiago". O mesmo se dá com Simão Apóstolo.

c) Alguns "crentes teimam tirar uma conclusão (errada!) de que Maria - depois da concepção virginal do Salvador - tinha relações e outros filhos com José, dos três seguintes textos bíblicos:

1o Mt 1,18: "Maria, sua Mãe, estava desposada com José. Antes de coabitarem, ela concebeu por virtude do Espírito Santo". RESPOSTA: "Antes de coabitarem" significa apenas: "Antes de morarem juntos na mesma casa". Isso aconteceu, quando "José fez como o anjo do Senhor lhe havia mandado e recebeu em sua casa sua esposa (Maria)" (Mt 1,24).

2o Lc 2,7: "Maria deu à luz o seu filho primogênito". EXPLICAÇÃO: É errado concluir, que devia seguir o segundo ou mais filhhos. A lei mosaica exige: "Consagrar-me-ás todo o primogênito (primeiro gerado) entre os israelitas, tanto homem como anumal: ele é meu." Ex (13,2). - Também, quando o primogênito era filho único. Um exemplo: No Egito foi encontrada uma inscrição judaica: "Arisoné entre as dores do parto morreu, ao dar à luz seu filho primogênito."

3o Mt 1,25: (Só em algumas traduções) "José não conheceu Maria (=não teve relações com ela) até que ela desse à luz um filho (Jesus)". EXPLICAÇÃO: Seria errado insinuar, que depois daquele "até" José devia "conhecer" Maria. "Até" na linguagem bíblica refere-se apenas ao passado. Exemplo: "Micol, filha de Saul, não teve filhos até ao dia de sua morte" (II Sm 6,23).

d) Como fidelíssimo observador da Lei de Moisés, Jesus não podia, na hora de sua morte na cruz, confiar sua Mãe a João Apóstolo (Jo 19,26), mas devia tê-la confiado ao filho mais idoso dela, se ela de fato os tivesse.

e) Por isso, o Símbolo dos Apóstolos, que é mais antigo do que o Cânon dos Livros Sagrados, reza: "Nasceu da Virgem Maria". = no sentido de Santo Agostinho: "Virgem concebeu, Virgem deu à luz, Virgem permaneceu".

Conseqüentemente, os "irmãos" (primos, parentes) de Jesus, tão freqüentemente mencionados nos escritos do Novo Testamento, nunca são chamados filhos de Maria, nem filhos de José, confirmando a tradição apostólica.

f) Até os Muçulmanos, nos seus livros sagrados, veneram a Mãe de Jesus como Virgem.