Busca no Site

Interativos

Receba nossas novidades



Receber em HTML?

Enquete

Sacerdócio Feminino
 

Compartilhe este site

Faça um pedido de oração





  
Informe o código de segurança para confirmar:
 

Não é verdade que a Igreja Católica tornou-se bastante corrupta antes do século XVI PDF Imprimir E-mail
Escrito por Elbson   

Os auto-denominados ''reformadores'' encontraram diferentes pontos da historia onde a Igreja de Cristo tornou-se supostamente corrupta. Não importa qual ponto é escolhido, mas precisa ser admitido que até aquele tempo em particular, a Igreja Católica (a única existente então) era a verdadeira Igreja de Cristo. Ora, admitir CORRUPÇÃO ou APOSTASIA, é o mesmo que dizer que Cristo falhou ao estabelecer uma Igreja - tanto por Ele NÃO PODER, como por Ele NÃO CUMPRIR sua promessa.

Três textos da Escritura provam que Cristo fez a promessa de que Sua Igreja permaneceria até o final dos tempos:

  1. Mateus 28,18-20 - Cristo prometeu que ele mesmo iria permanecer com a Igreja até a consumação do mundo (''E, aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: 'Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo; ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos'').

  2. Mateus 16,18 - Fez uma promessa a Pedro (''Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela'').

  3. João 14,16 - Cristo prometeu mandar o Espírito Santo para sustentar a Igreja para sempre (''E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Ajudador, para que fique convosco para sempre).

Estas promessas foram feitas pelo Filho de Deus e mostram que Ele PRETENDEU proteger a Igreja e ERA CAPAZ de protegê-la.

Todavia, ainda que indivíduos, grandes grupos de pessoas e até nações inteiras tenham se apostasiado de Deus, nós jamais poderemos dizer que a própria Igreja cometeu apostasia, pois isto seria o mesmo que dizer que Cristo não cumpriu suas promessas.