Busca no Site

Interativos

Receba nossas novidades



Receber em HTML?

Enquete

Sacerdócio Feminino
 

Compartilhe este site

Faça um pedido de oração





  
Informe o código de segurança para confirmar:
 

Não é verdade que a Igreja destruiu Bíblias na Idade Média? PDF Imprimir E-mail
Escrito por UC   

A Igreja realmente destruiu Bíblias na Idade Média, e pela mesma razão que a Companhia telefônica destrói atualmente suas listas telefônicas: para prevenir que sejam roubadas e utilizadas de forma espúria ou adulteradas.

Precisamos lembrar que cada Bíblia precisava ser copiada a mão, e assim ocupava todo o tempo de vida de um frade para fazê-la. De acordo com os padrões de hoje, cada uma dessas bíblias provavelmente valeriam cerca de US$ 10.000. Alguns dados compilados mostram que foram destruídos cerca de 5.000 livros em 11 livrarias Protestantes e 2 Católicas. Os reformadores, da mesma forma, destruíram suas Bíblias em suas igrejas por aproximadamente 300 anos. Assim sendo, os Católicos não foram os únicos a destruir suas Bíblias.