Busca no Site

Interativos

Receba nossas novidades



Receber em HTML?

Enquete

Você concorda com a condenação da Igreja ao uso de preservativos?
 

Compartilhe este site

Faça um pedido de oração





  
Informe o código de segurança para confirmar:
 

O Natal da Esperança PDF Imprimir E-mail
Escrito por Adriano F Oliveira   

Sugestão para Reunião de Natalem Grupos

Reunião feita para confraternização de Casais Católicos, com presença do sacerdote na residência do casal:

Abel e Lourdnha Passos- (Dirigentes de Círculo de casais) Paróquia São Francisco Xavier Niterói – Rio de Janeiro

O NATAL DA ESPERANÇA

Comentarista- Hoje, vamos celebrar o Natal em clima de encontro, acolhida e sobretudo esperança.

Leitor- O Natal é o maior evento da humanidade!!!

Comentarista- O Natal é uma manifestação do Amor de Deus para conosco. É a esperança explodindo nos corações humanos.

A providência divina dirige suavemente os acontecimentos e não é demais relembrar...

Leitor- É a mais linda história de Amor!

Comentarista- Estava profetizado que o Messias haveria de nascer em Belém e foi assim...

Leitor- O Imperador Romano César Augusto, decretou o recenseamento. E Deus se serve dessa ordem, para que se cumpram as profecias.

Leitor- Maria e José eram da família de Davi.

Leitor- No lombo de um burrinho, puxado por José , estava Maria, a Mãe do Senhor .

Comentarista- Faziam a viagem por etapas, muitas vezes dormiam sob as oliveiras, agasalhados pelos seus xales.

Leitor- Eram muito pobres. Depois de cinco ou seis dias de viagem, chegaram à cidade de Davi, ou Belém.

Leitor- A cidade estava repleta de pessoas para o mesmo fim. Não havia hospedagem nem albergues primitivos.

Leitor- Então, se refugiaram numa gruta que servia de esconderijo aos animais.

Comentarista- Enquanto aguardavam a vez na inscrição, Maria deu a luz ao Menino Jesus , o Filho de Deus, humano como nós.

O universo acendeu–se em cores resplandecentes! Nasceu o Messias!!!

É a noite mais feliz da humanidade! Jesus assumiu a nossa história!

Música 1- Menino Jesus

Leitor- O Menino foi envolvido em panos e colocado numa manjedoura forrada de palha.

Leitor- O hálito dos animais esquentava o Menino dos rigores do frio noturno. Frio de inverno rigoroso. Silêncio da noite e silêncio da pobreza.

Comentarista- Apesar da miséria, Maria e José estavam em ato de perene Amor e de suavíssima alegria. Exibiam a paz que não vem das coisas do mundo.

Leitor- A paz que desce do céu , que o Menino Jesus a dava a sua Mãe amável e a seu amado guardião, seu pai adotivo, José.

Leitor- Quando o Menino Jesus nasceu era noite e todos repousavam em lugares abrigados..

Leitor- Só os pastores vigiavam a céu aberto.

Leitor- Havia perigo de lobos e ladrões. Eles protegiam seus rebanhos para defendê-los.

Leitor- Conversavam ou tocavam flautas, canções pastoris.

Comentarista - Aconteceu uma coisa maravilhosa! Aos pastores , na noite calma , apareceu um anjo resplandecente de luz . Tiveram medo!

Leitor- Disse- lhes o anjo: “Não temais porque vos trago boas notícias! Hoje, na cidade de Davi, nasceu o Salvador que é o Cristo Senhor, venham vê-lo! Ele está envolvido em panos e deitado num presépio”.

Leitor- E no mesmo instante um coro de outros Anjos começou a cantar, naquele silêncio divinal.

TODOS- “Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens de boa vontade!”

Musica 2- “Glória a Deus nas Alturas...”

Leitor-Correram viram e creram. Todos os presentes contaram o que o Anjo lhes anunciara.

Leitor- E louvaram o Messias!

Leitor- Maria Santíssima recolhia aquelas palavras em seu coração e as gravava, meditando sobre os acontecimentos.

O ANIVERSÁRIO-

Leitor- O aniversário é uma festa alegre e bonita onde nos reunimos para celebrar a vida. Porém, no Natal o aniversario é especial. O aniversariante é Jesus Cristo, Filho de Deus! Só que muitas pessoas ainda não se deram conta disso, não conhecem Jesus.

Leitor- Celebram o Natal por tradição, só pensando nos presentes, nos assados , no bacalhau, rabanada, vinhos, etc.

Leitor- Nós temos que difundir o verdadeiro sentido do Natal.

Leitor- Ao dizermos “Feliz Natal”, devemos sentir seu verdadeiro significado. É a maior festa cristã!

Leitor- A cada Natal nosso amor deve crescer à medida que nos aproximamos do presépio, aumentando nossas esperanças e praticando o amor ao próximo.

Leitor- Sabemos que Jesus renasce na criança que chora de abandono, de fome, de carinho, na criança que carece de afeto.

Leitor- Jesus renasce nos corações injustiçados, nos asilados, nos pobres e humildes, nos que sofrem violência, enfim, nos descriminados.

Leitor- Assim, nós cristãos, devemos ir ao encontro de nossos irmãos, como Jesus veio a nós, cumprindo seu mandamento maior: “Amar ao próximo como eu vos amei”.

Leitor- A Festa do Natal, nos recorda a solidariedade de Deus com a humanidade, e inspira uma união maior entre nós e nossas famílias.

Leitor- Todos nós, somos convocados a mudar este mundo e acolher Jesus com mais justiça e Amor.

OUVIR E REFLETIR SOBRE O NATAL

OFERECIMENTO:Momento do Perdão

(São colocados, lado à lado, uma bacia com pequenas pedras e um vaso de rosas.Cada um pega uma pedra e asubstitui pela rosa).

Comentarista- Neste momento, na simplicidade de um gesto de amor e humildade, vamos homenagear o Menino Deus, escolhendo uma de nossas falhas, representadas pelas pedras de nosso caminho, tais como: a infidelidade, inveja, soberba, orgulho, mau humor, impaciência, preguiça, indiferença e tantas outras coisas ruins, pelas flores das virtudes como a caridade, a paciência, perdão, solidariedade, humildade, esperança, simplicidade, amor ao próximo e tantas outras, oferecendo nossos novos propósitos e esforços para melhorar nossa vida, como presente de aniversário ao Menino Deus.

Todos - Olhos fechados para refletir

Comentarista - Preparação do “caminho” e iniciação da substituição.

ORAÇÃO - NOSSAS SÚPLICAS: “Senhor, nós lhe pedimos!”

1- Senhor, diante do presépio, pedimos por nossas famílias. Abençoa, as pessoas que amamos onde quer que elas estejam. T: Senhor, atendei a nossa prece!

2- Que nossas casas sejam preservadas das dores, angústias, depressões, violências e falta de amor. T: Senhor, atendei a nossa prece!

3- Conceda-nos a saúde do corpo e da alma, para que possamos cantar seus louvores a cada dia do Novo Ano. T: Senhor, atendei a nossa prece!

4- Que os pais encontrem coragem para aprofundarem em seus lares o sentido cristão da vida, estreitando seus compromissos, infundindo a religiosidade como base para a formação de seus filhos. T: Senhor, atendei a nossa prece!

5- Abençoa, Senhor, nossos dirigentes para que possam conduzir com justiça e honestidade, o novo rumo político do Brasil. T: Senhor, atendei a nossa prece!

*Ao final da reunião, o sacerdote, abençoa as rosas e cada um leva uma rosa abençoada e cheia de bons frutos para casa.

NESTE NATAL

Neste Natal Senhor, não quero lhe buscar no espaço,

Distante, além do céu azul.

Quero parar na sua PRESENÇA, aqui e agora, como pedinte,

Solicitando de meu Senhor um presente e para minha família global.

Neste Natal Senhor, transforma: nossas angústias em alegria,

Nossas solidões em plenitude, nossas perdas, em esperança,

Nossas dependências em maturidade, nossas ansiedades em quietude,

Nossos medos em coragem, nossas rejeições em bênção,

Nossas fugas em retorno, nossos ressentimentos em perdão,

Nossas dúvidas em certeza, nossos sonhos em projeto,

Nossas mortes em ressurreição. Neste Natal Senhor, vamos sentar todos juntos à mesa, e brindar com fé, essa cumplicidade.

Música 3 : NOITE FELIZ!

O ABRAÇO: (Todos se abraçam afetuosamente, desejando um Feliz Natal!) FELIZ NATAL!!!

CONFRATERNIZAÇÃO da PARTILHA