Busca no Site

Interativos

Receba nossas novidades



Receber em HTML?

Enquete

Celibato dos Sacerdotes
 

Compartilhe este site

Faça um pedido de oração





  
Informe o código de segurança para confirmar:
 

PROPOSTA DE AMOR PDF Imprimir E-mail

“Dou- vos um novo mandamento:Amai-vos uns aos outros, como eu vos tenho amado, assim também vós deveis amar-vos aos outros (Jo 13,34)”.

Eis a minha proposta de amor para este ano que estamos iniciando. Com certeza, cada um de nós terá sua parte importante, em prol de melhorias no relacionamento familiar, comunitário e global.

Sendo cada um de nós a mesma pessoa, devemos propor a nós mesmos, mudanças comportamentais que nos dêem condições de exercermos nossa tarefa especial de filhos de Deus e divulgadores de Sua Palavra.

Para isso, nossos olhos têm que ir além das superficialidades. Precisamos colocar nossas mãos, à obra e construirmos uma nova catequese.

Devemos exercitar nossos ouvidos e escutar nossos irmãos em suas necessidades, saber o quê e como devemos trabalhar nossa catequese em benefício do outro.

Usar nossos pés para caminhar, junto com nossos irmãos, ensinando os o verdadeiro e único Caminho do Amor.

Nosso coração, subjetivamente o símbolo do Amor, deverá verter Amor e Amor afetivo e efetivo. É necessário que seja Amor concreto, ou seja, acompanhado de ações e não de declarações.

As nossas bocas devem proclamar a Palavra de Deus, a Palavra da Verdade, da Justiça, do Amor. Anunciar aos quatro cantos da terra, o Evangelho.

Há criaturas que ouvem e não compreendem, olham e não vêem, não usam as mãos para servir, e seus pés para trilhar caminhos pervertidos e o coração... Pobre coração... carregado de ódio, de mágoas, de luto, de maldades, de vingança...

Vamos utilizar nossos sentidos e os dons que Deus nos deu, em benefício do nosso próximo, e, conseqüentemente, em nosso.

Anunciar, celebrar e servir são essencialmente, catequéticos. No entanto, cada um deverá fazer seu planejamento de serviço, de acordo com as necessidades colhidas em sua comunidade.

Irmãos vamos mostrar nossa intimidade com os ensinamentos bíblicos e divulgá-los, vivenciando-os É nosso dever!

Somos catequistas em potencial Todos os cristãos têm sua missão catequética. É de suma importância o testemunho de nossas vidas. Vivamos, pois, no Amor de Deus.

Catequese é toda forma de serviço eclesial da Palavra de Deus orientada para levar à maturidade da fé cristã aos nossos irmãos. Os meios de comunicação são de grande valia para o serviço catequético. Por que não usá-los na preparação da terra para o plantio das sementes...e durante todo o processo?

Não importa a técnica, importa, o resultado. Os frutos. Frutos do Amor!

Devemos aproveitar cada momento propício para a catequese. Não podemos cruzar nossos braços, descompromissados com nossos irmãos.

Para a catequese paroquial há orientações específicas, planejamentos, orientados pela diocese, além de sugestões elaboradas por equipes especializadas.

A catequese propicia aos irmãos, conhecimento da comunhão com Deus-Pai, que nos dá alegria de viver, e nos inicia organicamente no conhecimento do Mistério de Cristo com profunda significação à vida das pessoas, além de iniciar a experiência religiosa na oração e na vida litúrgica.

Não são os irmãos carentes que necessitam de catequese. Mas, os que pouco ou nada sabem a respeito das Escrituras, dos documentos da Igreja, da Liturgia, da vida fundamentada nas “coisas de Deus”, do Amor de Deus.

A primeira Epístola de Pedro, 1,22 diz: “Em obediência à verdade, tendes purificado as vossas almas para praticardes um amor fraterno e sincero. Amai-vos, pois, uns aos outros, ardentemente e do fundo do coração”. Estejamos, pois, em sintonia com estes ensinamentos preciosos.

A comunhão com Deus-Pai nos dá alegria de viver, confiança na hora da dor, o arrependimento pelas nossas faltas, na acolhida e no perdão, nos faz filhos de Deus pela Graça e merecedores da morada eterna no Reino.

“Minh’alma tem sede de Deus, do Deus vivo”. (Sl 42,3)

É importante que estejamos ligados à nossa Paróquia, para buscarmos informações de como evangelizar através de pessoas especializadas. É importante, mas não fundamental. Nossa missão é superior.

A catequese que proponho a você irmão, é um serviço à comunidade cristã, cujo objetivo é o crescimento na fé. Com esse trabalho contribuímos para que os membros de nossa família e comunidade sejam seguidores de Cristo pela fé, fraternidade, oração e serviço e Amor.

Agir é fundamental! “A Palavra de Deus não é só para ser conhecida, é também para ser vivida. (Lc 11,28)”.

Esta é a minha proposta de AMOR.

Sejamos todos, Catequistas!!! JMJ

“ Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros. (Jo 13,35)”