Busca no Site

Interativos

Receba nossas novidades



Receber em HTML?

Enquete

Sacerdócio Feminino
 

Compartilhe este site

Faça um pedido de oração





  
Informe o código de segurança para confirmar:
 

Rogai por nós, pecadores! PDF Imprimir E-mail

 

Rogai por nós, pecadores!

 

Maria deve ser venerada como mãe de Jesus e, sobretudo, como a Mãe de Deus

No diário de um tripulante de submarino, durante a segunda Guerra mundial, estava escrito:

O dia começou calmo. O mar estava tranqüilo.Não havia, sequer, sinal do inimigo. De repente, toca o alarme. O comandante dá, imediatamente, ordem de submergir. “Inimigo à vista!”

Logo a seguir, caem as primeiras bombas submarinas.

Estamos todos, sentados, de prontidão. Com os rostos, sérios e pálidos, aguardamos que a primeira bomba nos acerte. E sabíamos que seria o fim.

Ouvíamos os estrondos das detonações, enquanto o barco navegava rápido, debaixo d’água.

Subitamente, Hein, que estava à minha frente, retira um rosário do bolso e começa a rezar. Era a primeira vez, que um de nós, rezava na frente dos outros. E ninguém riu!

“Ei, Hein, dê-me um pedaço do Rosário, também sou católico”.

Era um quadro interessante: as mãos calejadas de um homem, pedindo o rosário...

Hein arranca um pedaço e o dá a ele.

Lá fora a batalha terrível continuava.

“Dê-me um pedaço também!”

“Pra mim também!”

Hein ficou só com um pedacinho e com a cruz na sua mão.

Cinco homens estavam recitando o rosário e ninguém ria deles.

“Ei, dê-me a cruz, sou protestante”.

Hein dá-lhe a cruz.

Por alguns minutos, esquecemos os estrondos da batalha.

Depois de aproximadamente uma hora, conseguimos escapar do inimigo.

(Aprendendo com a Vida - Pierre Lefèvre)